Carnaval – Maior parte dos ítens das fantasias estão na lista dos tributos abusivos

Carnaval ítens fantasias lista tributos abusivosFevereiro é o mês do Carnaval e foliões de todo país preparam as fantasias para curtir a maior festa do Brasil. No entanto, conforme alerta o especialista tributário Cristiano Diehl Xavier, sócio do Xavier Advogados, é preciso atenção na hora de comprar os artigos típicos dessa época. “A festa não pode parar e a data precisa manter a tradição e alegria que representam o Brasil lá fora, mas o consumidor precisa saber o que está realmente pagando”, diz.

As máscaras de plástico, por exemplo, tem tributação de quase 50%. “Estamos falando de mais da metade do valor, ou seja, se o folião paga R$ 20 pelo item, tem que saber que na realidade deveria ter custado R$ 10”, alerta. Como saída, Xavier indica que a família faça sua fantasia em casa. “Além de reunir adultos, crianças e despertar a criatividade, o gasto é consideravelmente menor”, acrescenta. Outros produtos que compõem a fantasia entram na lista dos tributos abusivos como as lantejoulas com 42,19% de tributação e o spray em espuma com mais de 45%